Skip to main content
UFF - Universidade Federal Fluminense

Duo Ana de Oliveira & Sergio Ferraz

Sessões:
01/12 (Dom) 20:00

 

O duo de música instrumental, formado pela violinista Ana de Oliveira e o compositor e multi-instrumentista Sérgio Ferraz, surgiu em 2018, durante o festival MIMO, em Olinda (PE). O duo aborda o repertório com foco em obras de compositores que são referências para os dois artistas, como Egberto Gismonti, Hermeto Pascoal, John McLaughlin, Al Di Meola, Paganini, Tom Jobim e Villa- Lobos, além de obras autorais de Sérgio Ferraz.

 

Ana de Oliveira e Sérgio Ferraz se apresentaram em importantes palcos do eixo Rio - São Paulo, como Blue Note SP e RJ, Sala Cecília Meireles, Casa do Choro, Centro de Referência da Música Carioca e Centro de Artes UFF, entre outros. A estreia internacional do duo aconteceu em Portugal, na programação do MIMO Festival Amarante, em julho deste ano, com grande aclamação do público.

No show do dia 01 de dezembro, no Teatro da UFF, o Duo lançará seu primeiro CD, com composições de Egberto Gismonti e Sérgio Ferraz.

A violinista paulistana Ana de Oliveira é Mestre em Música, pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, e graduou-se na classe de Rainer Kussmaul, na Escola Superior de Música em Freiburg, Alemanha, onde viveu por nove anos. Foi também aluna de Lola Benda e Uwe Kleber, no Brasil, e Federico Agostini, na Alemanha. Apresentou-se como solista em diversas orquestras no Brasil e na Europa e, como camerista, em importantes festivais, entre eles Montreux (Suíça), La Villette (França), Warschauer Herbst (Polônia), Donaueschingen (Alemanha), MIMO Festival Brasil e Portugal, Campos do Jordão, Festival Villa-Lobos. No Brasil, desenvolveu uma carreira diversificada e abrangente atuando como spalla da Orquestra Sinfônica Brasileira, durante uma década, criando e liderando vários grupos de câmera como primeiro violino, participando como solista e spalla em diversas gravações de música brasileira e trilhas sonoras, também exercendo a coordenação pedagógica do Festival MIMO. Ana de Oliveira foi spalla da Camerata Rio Strings, no festejado CD Fantasia Brasileira (Biscoito Fino), indicado ao Grammy em 2005.

Realizou a primeira audição no Brasil de obras de importantes compositores como Mário Tavares, Egberto Gismonti, Benjamin Britten, Charles Ives, Carlos dos Santos e Clarice Assad, entre outros.

É violinista do Trio Puelli desde 2009, grupo de câmara dedicado à pesquisa e registro de obras dos séculos XX e XXI, com o qual lançou três elogiados CDs, Primma e 3 Américas, e o mais recente, dedicado à integral das obras para trio de Radamés Gnattali, lançado em 2018 pelo Selo SESC, eleito o Melhor do Ano, pela votação popular da Revista Concerto. O grupo também está presente no CD Música Nova (2016), lançado pelo Selo SESC em 2017.

Ana de Oliveira também atua como spalla da Orquestra Sinfônica Nacional da UFF e também lidera seu trio de cordas, além de se dedicar ao seu mais recente projeto de música instrumental ao lado do compositor e multi-instrumentista Sérgio Ferraz.

Sérgio Ferraz é bacharel em Música pela Universidade Federal de Pernambuco. Iniciou seus estudos de música aos nove anos, com violão e guitarra. Aos 15 anos, iniciou seus estudos de violino no Departamento de Música da UFPE e no Conservatório Pernambucano de Música. Atua como instrumentista desde 1990, quando formou o grupo Alma em Água, com o qual participou de vários festivais importantes e de uma turnê pelos Estados Unidos em 1997. No ano 2000, formou o grupo instrumental Sonoris Fábrica, com o qual tocou em edições do Palco Instrumental do Festival de Inverno de Garanhuns, Recife Jazz Festival (primeira e segunda edições), MIMO 2011 e no SESC Brasil Instrumental, em São Paulo, entre outros. Entre 2008 e 2014, Sérgio Ferraz participou como violinista do grupo que acompanhava o escritor Ariano Suassuna em suas aulas-espetáculo. Em 2012, Sérgio Ferraz estreou seu Concerto armorial, dedicado a Ariano Suassuna, no Teatro de Santa Isabel, em Recife, com a Orquestra de Câmara de Pernambuco. Ele tocou, também, em várias edições do MIMO Festival, como artista principal: em 2010, com o violonista Antonio Madureira, apresentando o trabalho do CD Segundo Romançário, em 2011 com seu grupo de Jazz Sonoris Fábrica e, em 2013, como solista, apresentando seu Concerto armorial para violino e orquestra.

Em 2017, Sérgio Ferraz foi uma das principais atrações do Cerrado Jazz Festival, em Brasília, e também naquele ano realizou o show Tributo a John Coltrane, com grande sucesso de público em São Paulo e no Rio de Janeiro. Em 2018, formou o Grupo de Jazz Flamenco Guitarra Stravaganza, com a participação do violinista e compositor Ricardo Brafman. Em julho de 2019, Sérgio Ferraz estreou internacionalmente seu duo com a violinista Ana de Oliveira, no MIMO Portugal. Sérgio Ferraz tem um rico trabalho autoral que contempla desde a Música armorial, jazz, flamenco e música eletroacústica, registrado em sua vasta discografia. Seus CDs são: Segundo Romançário (2009), Sonoris Fábrica (2011), Dançando aos Pés de Shiva (2012), A Sublime Ciência e o Soberano Segredo (2013), Concerto Armorial (2014) e Flutuando Sobre As Ondas (2015).

01 de dezembro de 2019
Domingo | 20h
Teatro da UFF
Rua Miguel de Frias 9, Icaraí, Niterói
Ingressos - R$40,00 (inteira) e R$20,00 (meia)
Classificação etária: Livre

VÍDEO

Sem vídeos no momento

Você também pode gostar...

Procure outras atrações

Notícias - Música

TEATRO DA UFF

Rua Miguel de Frias, 9, Icaraí – Niterói/RJ
344 lugares
Informações: 3674-7512 | a partir de 14h

0 COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.

WordPress Video Lightbox Plugin